Ciência do Desperdício

“O investimento em Ciência e Tecnologia em Portugal passou de 0,5% do PIB em 1995 para 1,5% em 2011″, refere o livro “Ciência e Tecnologia em Portugal – Métricas e Impacto”. Acrescenta também que “o número de novos doutorados por cem mil habitantes aumentou de 5,7 para 17,5 entre 1995 e 2011”. Mas os autores alertam para a cautela com que se devem analisar estes dados. “Estes números não nos devem iludir. Portugal continua abaixo da média da União Europeia em aspetos fundamentais da sua atividade científica, tais como a quantidade e qualidade da sua produção científica e tecnológica.” Além disso, há pouca transmissão do conhecimento para as empresas, um reduzido número de patentes e poucos doutorados a trabalhar nas empresas. Como o tecido empresarial não escoa a mão-de-obra qualificada, 80% continuam ligados à academia e muitos acabam por emigrar.


Uma tese de doutoramento da Universidade de Coimbra constata que a maioria dos doutoramentos portuguêses surgem alavancados pelo desemprego, o que leva a que estejam associados a investigação “por necessidade”, ao invés de “por vocação”, indiciando que não contribuem nem para o crescimento do conhecimento, nem para o desenvolvimento da economia.

Capital da Demolição

Situado perto da Basílica da Estrela, o cinema Paris foi construído em 1930 e encerrou há cerca de 30 anos. Transformou-se entretanto num cenário de ruína e em 2003 esteve em vias de ser completamente demolido para dar lugar a um novo empreendimento residencial. A autorização para a demolição foi emitida pela câmara, ainda que o projeto apresentado pelo proprietário não estivesse aprovado. Mas nessa mesma altura, um movimento de cidadãos opôs-se à demolição e a câmara recuou; sustentou a sua posição no parecer de um técnico do LNEC que considerava ser ainda possível a reabilitação do imóvel. Agora em 2015, a Câmara Municipal de Lisboa, que teme a derrocada do antigo cinema, ameaça tomar posse administrativa do mesmo para realizar obras coercivas de conservação e reabilitação.



Moral da história, se a Câmara Municipal de Lisboa lhe der autorização para demolir, Não Deixe Para Amanhã O Que Pode Fazer Hoje!

Urbanos

Existe uma distinção fundamental entre a singularidade e a pluralidade dos espaços públicos. Existem espaços públicos urbanos, na sua pluralidade diferenciadora; e por outro lado existe o espaço público da cidade, na singularidade identificadora e identitária da cidade.

Controlo de Qualidade

A Prova de Avaliação de Conhecimentos e Capacidades (PACC) destina-se a quem é detentor de uma qualificação profissional para a docência e pretende candidatar-se a concursos de recrutamento de pessoal docente da educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário. De um total de 2490 professores que em Dezembro de 2014 fizeram a PACC, 854 candidatos (34,3%) obtiveram uma classificação inferior a 50%, segundo dados revelados pelo Instituto de Avaliação Educativa (IAVE). No que se refere à produção de um texto, a pontuação média obtida pelos candidatos foi 10,2 pontos (em 20) e quase um quarto não ultrapassou os 5 pontos (22,4%).

Felizmente muitos impreparados não irão ensinar o futuro de Portugal. Infelizmente durante décadas não foi feita nenhuma seleção.

Push On

In Classical Mechanics, it is “built in” from the very beginning that there is a potential energy function. But why? The answer can be traced to the laws of quantum mechanics and to the origin of forces in field theory. So, why quantum field theory? At some point we have to give up and say that’s just the way it is. Or, not give up and push on.

Pledge of Allegiance

Leaders from around the world have traveled to Saudi Arabia to meet new King Salman bin Abdulaziz and offer their condolences following the death of King Abdullah bin Abdulaziz.
Iran foreign minister Mohammad Javad Zarif, France president Francois Hollande, Afghanistan president Ashraf Ghani, Spain king Felipe VI, Indonesia vice-president Jusuf Kalla, United Kingdom prime minister David Cameron, Turkey president Recep Tayyip Erdogan, Pakistan prime minister Nawaz Sharif, Malaysia prime minister Najib Razak, Iraq president Fuad Masum, Russia prime minister Dmitry Medvedev. And US president Barack Obama will also travel to Riyadh on the next days.

Sindicato, Definição

Sindicato é uma agremiação fundada para a defesa comum dos interesses de seus aderentes. Dos seus aderentes, não dos trabalhadores, nem das empresas, nem da economia, nem do Estado, nem dos cidadãos portugueses, como se costuma propagandear em Portugal. 

Junho 2013 – Um dia lamentável para a Educação em Portugal. Greve aos exames nacionais que servem como provas de acesso ao ensino superior é uma violação clara do direito dos alunos a terem avaliações justas, imparciais e serenas. A Fenprof e a FNE congratulam-se e falam de uma adesão à greve de 90%. Isto não significa que os exames não estejam a decorrer, o ministério revela que 70% dos alunos fizeram a prova. Em algumas escolas, alunos entraram nas salas onde decorriam os exames, fotografaram quem, ao contrário deles, pode fazer o exame e, claro, os colegas ficaram todos bastante nervosos. Alguns choraram.

Janeiro 2015 – O acordo a que o Governo chegou com nove sindicatos da TAP para salvaguardar direitos na privatização do grupo deixa de fora mais de 70% dos trabalhadores. Os nove sindicatos que aceitaram sentar-se à mesa com o executivo para negociar este acordo têm cerca de 3000 associados; o número é praticamente igual ao dos três sindicatos que recusaram estar nas negociações; e há ainda outras quatro mil pessoas que não são sindicalizadas.

Feitas as contas, neste momento o acordo protege menos de 30% dos funcionários da TAP

Março 2015 – O Sindicato de Professores da Zona Centro anunciou que vai interpor no Tribunal Administrativo e Fiscal de Coimbra uma providência cautelar com o objectivo de suspender o concurso externo que está a decorrer e que poderá garantir a entrada nos quadros do Ministério da Educação e Ciência de 1453 professores.


Maio 2015 – “Conseguimos infligir um dano de 30 milhões de euros na TAP e penso que isso não devia ser desvalorizado pelo Governo”, disse Hélder Santinhos. O responsável do Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil falou numa conferência de imprensa para esclarecimentos sobre os motivos da greve que teve início a 1 de maio e se prolonga até ao dia 10.


Novembro 2015 – Os alunos de Montemor-o-Novo podem ficar esta tarde sem transportes escolares. Tudo porque as carrinhas e autocarros das juntas de freguesia e da câmara municipal foram desviados para a manifestação da CGTP, em Lisboa, para apoiar o governo de esquerda. Na comunicação enviada à escola pela autarquia, liderada pela CDU, refere-se que “na sequência da concentração agendada para o próximo dia 10 de Novembro, informa-se que poderá não estar garantida a realização do transporte escolar. Igualmente poderá não ser garantido o fornecimento de refeições.”


Dezembro 2015 – O governo socialista de António Costa tem apenas uma semana mas os sindicatos já o estão a pressionar com uma chuva de pedidos de reuniões para discutir carreiras e políticas dos setores. A APG, maior associação da GNR, dá seis meses à nova ministra para resolver a falta de um novo estatuto profissional na Guarda. Na PSP, a ASPP avisa a nova ministra de que ainda vai a tempo de concluir todos os concursos que estão abertos há ano e meio para agentes principais e chefes principais. O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses espera que o novo ministro revogue a municipalização da saúde, faça regressar as parcerias público-privadas à gestão pública, as 35 horas semanais, atualize os salários, reponha as horas penosas e contrate mais enfermeiros. A Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública quer a atualização salarial e de pensões, discutir as carreiras profissionais, a ADSE, feriados e férias. O Sindicato dos Funcionários Judiciais admite que a revisão do mapa judiciário, a aprovação do estatuto profissional e a progressão da carreira dos funcionários de modo a permitir a contratação de novos quadros são as prioridades mais urgentes. A Federação Nacional dos Professores irá contestar a municipalização do ensino e qualquer prova de avaliação dos professores.

Março 2016 – Ana Avoila, a coordenadora da Frente Comum dos Sindicatos da Administração Pública, afinou a posição dos sindicatos dos funcionários públicos na CGTP: “Não estamos contra o alargamento para o setor empresarial do Estado, o que estamos é para os trabalhadores do regime geral da Segurança Social, quer sejam cônjuges, sejam filhos, sejam primos, transformando a ADSE numa coisa para todos.”

Capitulation

The Oxford University Press has warned its writers not to mention pigs, sausages or pork-related words in children’s books, in a bid to avoid offending Muslims. Speaking on Radio 4’s Today programme, presenter Jim Naughtie said: “I’ve got a letter here that was sent out by OUP to an author doing something for young people. Among the things prohibited in the text that was commissioned by OUP was the following: pigs plus sausages, or anything else which could be perceived as pork.” A spokesman for OUP said: “OUP’s commitment to its mission of academic and educational excellence is absolute. Our materials are sold in nearly 200 countries, and as such, and without compromising our commitment in any way, we encourage some authors of educational materials respectfully to consider cultural differences and sensitivities.”